Cidadania como princípio

O conceito de Cidadania tem norteado a minha trajetória, não só política, como também, a minha vida de um modo geral. Ter a consciência de que somos todos iguais, que temos direitos e deveres, liberdade de ir e vir e poder de escolha é fundamental para seguir em frente e desempenhar os papéis que assumimos ou nos são impostos.

Cidadania é a base da civilidade nas relações, sejam elas quais forem. Partindo desse princípio, o respeito é estabelecido no exercício diário da democracia. É preciso ser e enxergar, no outro, o cidadão que somos, ter atitudes que resgatem, favoreçam e fortaleçam a dignidade humana.

Responsabilidade e Compromisso

Ser cidadão implica na responsabilidade pelas consequências das nossas ações, desde o ato de votar ou criar um filho. Temos compromisso com o futuro, com a família, com os amigos e com o trabalho, além de muito respeito por esta que foi a melhor conquista por grande parte da humanidade.

O conceito de Cidadania no Brasil

No Brasil, apesar de termos conquistado direitos políticos, sociais e civis, o conceito de Cidadania ainda é vago, uma vez que ainda encontramos situação de miséria, desemprego, analfabetismo e violência por todo o país. Mas, Cidadania é um conceito que devemos perseguir, dia a dia. Precisamos fazer dela, uma parceira, um princípio. Quem sabe, assim, um dia, ela se estabeleça e se torne realidade.

LUCIANO BISPO

LUCIANO BISPO Luciano Bispo nasceu em Itabaiana, no ano de 1944. Ele é o sétimo dos nove filhos do casal José Bispo e Maria do Espírito Santo. Casado com a biomédica Roseli de Andrade, é pai de Luíza, Maria Eduarda e Luciana Valentina.

CONHEÇA A BIOGRAFIA

RECEBA NOVIDADES
NO SEU E-MAIL

LEIA TAMBÉM >>>
“Sergipe só cresce se todos crescerem juntos”

CONHEÇA ALGUMAS
DAS CONQUISTAS E O
QUE LUCIANO TEM
FEITO POR SERGIPE